Ministério da Cultura lança programa para incentivar intercâmbio no exterior

A ministra da Cultura, Marta Suplicy, lançou, nesta quinta-feira, 31/7, dois editais públicos do programa Conexão Cultura Brasil voltados para internacionalização cultural do país. A meta é ampliar a presença de artistas e empreendedores brasileiros no mundo em atividades de formação (cursos e estágios), em instituições culturais renomadas internacionalmente e eventos de cultura e negócios. Os editais foram publicados na edição de hoje do Diário Oficial da União (DOU). Para a ministra, os dois programas contribuirão na qualificação de profissionais nas artes e no empreendedorismo cultural.Um dos editais, o Conexão Cultura Brasil Intercâmbios, abre a oportunidade para 400 pessoas fazerem cursos no exterior no período entre novembro de 2014 e março de 2015 nas seguintes áreas: música, artes cênicas, circo, artes visuais, cinema, animação, games, programação de softwares e aplicativos móveis, literatura, TV, rádio, mercado editorial, moda, design, arquitetura, publicidade, gastronomia, gestão cultural, indústria de espetáculos, produção de eventos culturais, produção audiovisual, operação de equipamentos audiovisuais, roteiro, sonoplastia, figurino, cenotecnia, iluminação, luthieria, edição gráfica e visual, restauração, artesanato, cultura popular e patrimônio, museu e memória e turismo cultural.
O programa é uma parceria inédita entre o Ministério da Cultura e os Ministérios da Educação e das Relações Exteriores. Para participar, o interessado deve entrar em contato com a instituição de ensino e ser pré-aprovado por ela. As instituições que já manifestaram interesse em receber os brasileiros são o Instituto Europeu de Design, a Federculture da Itália, a Universidade de Bolonha, o British Council, a Royal Shakespeare Company, o Barbican Centre, o SouthBank Centre, o The Globe Theatre, a BBC Scottish Symphony, o Science Museum e o Festival de Edimburgo. O próximo passo é encaminhar ao Ministério da Cultura o documento da instituição estrangeira (carta-convite). Uma comissão com integrantes do ministério e de entidades vinculadas irá selecionar os agraciados pelo edital. As inscrições para os dois editais serão feitas no SALICWEB.
As dúvidas dos interessados poderão ser esclarecidas pelo emailculturabrasilintercambios@cultura.gov.br e culturabrasilnegocios@cultura.gov.br.
A contrapartida dos selecionados é, ao voltar para o Brasil, multiplicar o conhecimento adquirido, ou seja, apresentar o que foi desenvolvido no exterior, um espetáculo teatral ou uma oficina de cenografia, por exemplo. O ministério irá financiar as passagens, as diárias dos brasileiros e os deslocamentos. O edital pode ser acessado no endereço do DOU.
O segundo edital, Conexão Cultura Negócios, conta com o orçamento de R$ 400 mil em sua primeira fase e objetiva levar delegações de até 60 empreendedores para participar de três eventos de negócios culturais de grande relevância internacional. Os eventos são o Festival de Música Womex 2014, em Santiago de Compostela, na Espanha (de 22 a 26 de outubro); o Festival Internacional de Artes Cênicas Santiago a Mil, no Chile (de 3 a 18 de janeiro de 2015) e a Feira de Arte Contemporânea ARCO Madrid (25 de fevereiro a 1º de março de 2015). O texto integral do edital pode ser acessado no endereço no DOU.
Anúncios

MinC lança edital para viagens em 2013

 

Seleção abrange viagens entre março e agosto do próximo ano

Na última sexta-feira (21), o Diário Oficial da União publicou o Edital nº 1/2013, relativo ao Programa de Intercâmbio e Difusão Cultural, desenvolvido pelo Ministério da Cultura.O texto está na seção 3, página 21.

A seleção contemplará viagens que ocorrerão entre março e agosto de 2013, uma vez que os meses de janeiro e fevereiro foram atendidos no edital de 2012. O investimento envolve recursos de  R$ 3,3 milhões, oriundos do Fundo Nacional da Cultura (FNC).

“A continuidade do Programa, com o lançamento do edital ainda este ano, mostra a importância da difusão e do intercâmbio da cultura brasileira. A iniciativa é imprescindível para o desenvolvimento do nosso setor porque promove a possibilidade de vivências dos artistas no Brasil e no exterior”, afirma o secretário de Fomento e Incentivo à Cultura (Sefic/MinC), Henilton Menezes.

Os artistas, técnicos, agentes e estudiosos selecionados no edital receberão auxílio financeiro para custear despesas relativas à participação em atividades culturais, promovidas por instituições brasileiras ou estrangeiras.

O benefício pode ser utilizado para custear transporte de material, cenários ou equipamentos utilizados na realização da atividade, assim como para outras tarefas relativas aos eventos.

Confira aqui o Edital de Intercâmbio nº 1/2013.
Veja aqui a cartilha explicativa.

Clique para ler a matéria completa

(Fonte: Sefic/MinC)

 

Cinco editais para criadores e produtores negros

 

MinC e instituições vinculadas prorrogam o prazo de inscrições para até 25 de março

“Atenção você que é negro ou negra, com mais de 18 anos, o Ministério da Cultura tem um convite para você e vale atéo dia 25 de março. Produtor ou artista que se auto-declara negra ou negro, que trabalha com as linguagens de cinema, de literatura, pesquisa de bibliotecas, de artes visuais, circo, música, dança e teatro, os concursos foram feitos para você.

Saiba sobre os projetos aqui no site do MinC. Tire as suas dúvidas e deixe as suas perguntas. Nós vamos esclarecer. São prêmios profissionais, no total de R$ 9 milhões,  garantidos nas cinco regiões do país, numa política de reparação histórica do Governo Dilma. Uma parceria do  Ministério da Cultura e da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial – Seppir”.

O chamamento do Ministério da Cultura enfatiza a importância dos editais voltados aos produtores e criadores negros e para o fato de que eles tiveram o prazo de inscrições prorrogado, oferecendo mais chance de participação.

Os editais são de responsabilidade da Secretaria do Audiovisual (SAv) e de duas instituições vinculadas ao MinC: Fundação Biblioteca Nacional (FBN) e Fundação Nacional de Artes (Funarte),  em parceria com a Fundação Cultural Palmares (FCP) e a Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir), da Presidência da República.

O objetivo dos processos seletivos é proporcionar aos produtores e artistas negros oportunidade de acesso a condições e meios de produção artística, conforme estabelecido pelo Plano Nacional de Cultura (Lei 12.343/2010) e pelo Estatuto da Igualdade Racial (Lei 12.288/2010). Foram lançados no dia 20 de novembro de 2012, em São Paulo.

Curta-Afirmativo –

ALTERAÇÕES FORAM  INSERIDAS NESSE EDITAL – ACESSE O NOVO LINK

Realizado pela Secretaria do Audiovisual, o Edital de Apoio para Curta-Metragem – Curta Afirmativo: Protagonismo da Juventude Negra na Produção Audiovisual é voltado para o fomento de seis obras audiovisuais de curta-metragem inéditas, produzidas ou dirigidas por jovens negros de 18 a 29 anos e com duração entre 10 e 15 minutos. Cada curta terá o investimento de R$ 100 mil.

As produções deverão apresentar temática livre, podendo ser ficção ou documentário, com a possibilidade de utilização de técnicas de animação. A avaliação será baseada em critérios variados, como caráter inovador da obra; qualidade do roteiro; plano de distribuição e amplitude do acesso; além de exequibilidade orçamentária. As inscrições serão realizadas por meio do sistema Salicweb.

Mais informações: concurso.sav@cultura.gov.br

Acesse o edital na página da Sav

Arte Negra

A cargo da Fundação Nacional de Artes está o Prêmio Funarte de Arte Negra. Serão selecionados trinta e três projetos nas áreas de artes visuais, circo, dança, música, teatro e preservação da memória que contemplem a diversidade de expressões artísticas. Serão quatro prêmios nos valores de R$ 200 mil; 12 prêmios de R$ 150 mil; e 17 prêmios de R$ 100 mil.

Os trabalhos serão avaliados por uma comissão de seleção composta por 12 membros, indicados pela Funarte e pela Seppirl. O material de inscrição deverá ser enviado por Sedex, em envelope único, para: Rua da Imprensa, 16 – 6º andar/ Setor de Protocolo – Castelo – Rio de Janeiro – RJ – CEP 20030-120, conforme instruções previstas no Edital.

Acesse todas as informações sobre o prêmio da Funarte

FBN: Autores Negros

Três editais estão abertos na área da Fundação Biblioteca Nacional.  Um deles é o Edital de Apoio à Coedição de Livros de Autores Negros, cujas inscrições, diferencialmente da dos demais, serão encerradas no dia 30 de abril.

O objetivo é a formação de parcerias para o desenvolvimento de projetos editoriais sob a forma de coedição, com vistas à produção de publicações de autores brasileiros negros, na forma de livros, em meio impresso e/ou digital. A finalidade dos trabalhos é a de divulgar, valorizar, apoiar e ampliar a cultura brasileira dos afrodescendentes, em geral, e dar maior acessibilidade à sua produção cultural, artística, literária e científica.

Leia o Edital

Pesquisadores negros

Outra seleção aberta no setor da FBN é o Edital de Apoio a Pesquisadores Negros, cujo Aviso de Prorrogação das inscrições para 25 de março foi publicado nesta quinta-feira, 17 de janeiro, no Diário Oficial da União (seção 3, página 15).

O objetivo é a seleção de projetos de pesquisa para concessão de bolsas, propostos por pesquisadores e pesquisadoras negras, visando incentivar a produção de trabalhos originais, em território brasileiro, em qualquer uma das áreas e subáreas do conhecimento definidas pelo CNPq (Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico).

Serão concedidas até 23 bolsas, com desembolso mensal, por um período de um ano para pesquisadores negros brasileiros, natos ou naturalizados.

Leia o Edital

Pontos de Leitura

Também está aberto o Edital de Seleção de Projeto para Implantação de 27 Pontos de Cultura Negra, do qual poderão participar da seleção instituições públicas ou privadas sem fins lucrativos cuja  finalidade se relacione diretamente às características dos programas e ações das quais irão concorrer.

O edital se propõe a selecionar um projeto que tenha como objetivo a implantação de 27 pontos de leitura em entidades privadas sem fins lucrativos selecionadas por edital público e desenvolvimento de atividades de mediação de leitura, criação literária, publicação, seleção de acervo e pesquisa, por entidades da sociedade civil que tratem de ações voltadas para a preservação da cultura negra e ações afirmativas de combate ao racismo no país.

Os proponentes deverão inscrever suas propostas no portal de convênios/ Siconv

Acesse o Edital

informações retiradas do site do MinC

Residência artística IFA 2013 – Itália

 

IFA – InteatroFestival Academy è il programma di perfezionamento artistico e ricerca a carattere residenziale promosso e fondato nel 2006 da Inteatro, Ente di Promozione della Danza, per permettere occasioni di incontro e lavoro tra giovani performer (selezionati sulla base di un progetto creativo) e artisti affermati sulla scena internazionale, al fine di promuovere e sostenere la creazione di nuove opere.

Per la sua VIII edizione, IFA propone

UN PERIODO DI LAVORO RESIDENZIALE che comprende:

– 3 laboratori con gli artisti  Cláudia Dias (PT), Geraldine Pilgrim (GB), Idoia Zabaleta (ES), per fornire ai partecipanti suggerimenti e spunti utili allo sviluppo del proprio progetto;

– 1 settimana di studio, per migliorare e perfezionare la prima idea di progetto;

– la presentazione ad una Giuria di professionisti, che selezionerà i progetti più interessanti e più convincenti per la presentazione  al  Festival di Inteatro;

– un ulteriore periodo di ricerca della durata di 1 meseriservato ai performer coinvolti nei progetti selezionati, per  la messa a punto e l’allestimento del lavoro.

Durante il mese di creazione verrà garantito ai partecipanti accompagnamento e mentoring artistico per lo sviluppo produttivo del progetto.

Inoltre, i lavori selezionati potranno essere inseriti anche nella rassegna Danza al Museo, prevista nei maggiori spazi museali delle Marche in autunno 2013.

DESTINATARI > Saranno ammessi a partecipare al programma un massimo di 15 artisti / performer di età compresa tra i 18 e i 35 anni, di differenti nazionalità. E’ indispensabile la conoscenza della lingua inglese.

La selezione è prioritariamente rivolta a danzatori/autori, coreografi, performer con esperienze di danza / teatro fisico / circo.

SELEZIONE SU PROGETTO > La selezione verrà effettuata sulla base del progetto di ricerca presentato.

Può trattarsi di un “solo” o una performance che preveda la partecipazione di altri artisti (in questo caso l’autore potrà chiedere agli altri partecipanti al programma IFA di prendere parte al proprio progetto)

Il progetto presentato deve essere inedito.

CONDIZIONI > Il programma IFA offre alloggio, spazi di lavoro e accompagnamento. L’organizzazione mette a disposizione spazi comuni ed attrezzature cucina e area wifi gratuita all’interno di Villa Nappi.

Ai partecipanti si richiede un contributo forfettario a copertura dei costi di frequenza, assicurazione, alloggio, spazi di lavoro e di studio.

TERMINI > Le candidature dovranno pervenire entro:

giovedì 28 febbraio 2013 presso gli uffici di Inteatro (Villa Nappi Via Marconi 77 60020 Polverigi An – I, ifa@inteatro.it)

NON fa fede il timbro postale.

e dovranno includere: lettera motivazionale, curriculum vitae completo di contatti; progetto di ricerca (lunghezza massima: 2 fogli A4); materiali video, testi e foto di lavori precedenti.

I materiali ricevuti non verranno restituiti.

Per ulteriori specifiche sulle condizioni del concorso, si rimanda al BANDO INTEGRALE pubblicato sul sito di Inteatro (scarica qui).

INFO Inteatro, Villa Nappi – Via Marconi 77, 60200 Polverigi (AN)

T. +39 071.9090007  F. +39 071.906326

www.inteatro.it/IFA email ifa@inteatro.it

http://www.facebook.com/groups/IFA.inteatro/

Mestrado em empreendedorismo do espetáculo – Itália

 

MASTER DI I LIVELLO IN IMPRENDITORIA DELLO SPETTACOLO

Imprenditoria dello Spettacolo

Finalità
Il Master, istituito dal DARvipem Dipartimento delle Arti Visive, Performative e Mediali dell’Alma Mater Studiorum Università di Bologna, è gestito dalla Fondazione Alma Mater e vede la collaborazione della Fondazione ATER Formazione.
Si avvale del sostegno di associazioni imprenditoriali che operano nello spettacolo, quali ATER-Associazione Teatrale Emilia-Romagna, AGIS Emilia-Romagna, Legacoop e di imprese del settore di rilevanza nazionale.
Obiettivo del corso, che risponde a precisi fabbisogni espressi dal mercato, è formare esperti nell’imprenditoria dello spettacolo dal vivo (Prosa, Musica e Danza) in possesso di competenze professionali rispondenti alle esigenze attuali del mercato nazionale e internazionale, .in linea con l’evoluzione delle politiche culturali, sociali ed economiche.
A conclusione del percorso formativo, i partecipanti potranno inserirsi, con ruoli gestionali e organizzativi, nelle aree della produzione, distribuzione e promozione di enti pubblici e privati, teatri, compagnie, istituzioni culturali.

Caratteristiche

Area disciplinare: Studi aziendali ed economici;Studi umanistici;
Profilo professionale: Organizzatore e amministratore nell’ambito dello spettacolo dal vivo
Numero partecipanti: Min: 12 Max: 25
Durata: 1.500 ore di cui 500 di stage e 400 ore in presenza del docente
Crediti formativi: 60
Lingue del master: Italiano

Data d’inizio: gennaio 2013
Data fine: dicembre 2013
Scadenza bando di concorso per l’ammissione: 14 dicembre 2012

Requisiti

Lauree d’accesso 
Lauree triennali e lauree quadriennali rilasciate dalle facoltà di: Lettere, Scienze della Formazione, Beni Culturali, Lingue, Giurisprudenza, Scienze Politiche, Economia;  titoli equipollenti: Conservatorio, Accademie, istituzioni straniere equiparate

Conoscenze Linguistiche 
una lingua straniera europea

Criteri di selezione 
titoli ed esami
Prova di ammissione: colloquio orale

Didattica

Direttore 
Paola Bignami

Sede delle lezioni 
Dipartimento di Musica e Spettacolo, via Barberia, 4

Insegnamenti previsti dal piano didattico:

1. Organizzazione dello spettacolo e di suoi spazi

2. Aspetti legislativi e politiche dello spettacolo

3. Economia della cultura

4. Gestione aziendale e amministrazione

5. Elementi di drammaturgia musicale e teatrale

6. Elementi di storia del melodramma e del teatro dell’800 e del ‘900

7. Produzione e distribuzione delle attività di prosa, musica e danza

8. Comunicazione e marketing dello spettacolo

Docenze:
E’ prevista la presenza di docenti dell’Università di Bologna e di altri atenei, di esperti provenienti dal mondo imprenditoriale, tra gli altri: Lucio Argano, Marco Beghelli, Franco Bianchini, Paola Bignami, Roberto Calari, Elena Cervellati, Marco De Marinis, Maurizio Frittelli, Andrea Maulini, Lorenzo Scarpellini, Giovanni Soresi, Lamberto Trezzini, Antonio Taormina, Michele Trimarchi

Tirocinio:
Il tirocinio si svolgerà presso imprese e istituzioni tra le più rappresentative del settore.
Tra quelle che hanno ospitato gli allievi negli ultimi anni vi sono: Arena del Sole Teatro Stabile di Bologna, Arena di Verona, ATER, Auditorium di Roma, Emilia Romagna Teatro Fondazione, Fondazione Nazionale della Danza, Fondazione Teatro Comunale di Bologna, Fondazione Teatro San Carlo di Napoli, La Baracca-Testoni Ragazzi di Bologna, La Biennale di Venezia, Piccolo Teatro di Milano.

Sede delle lezioni:
Dipartimento delle Arti visive, performative e mediali dell’Alma Mater Studiorum Università di Bologna, via Barberia, 4 Bologna

Per scaricare il bando dell’Università di Bologna  consultare il sito: http://www.unibo.it

Le informazioni di carattere scientifico e didattico (preiscrizioni, requisiti di accesso e titoli valutabili, programma didattico, calendario delle lezioni) possono essere richieste alla Sede Didattica del corso: DARvipem Dipartimento delle Arti Visive, Performative e Mediali, Via Barberia 4, Bologna, Studio prof Bignami. Ricevimenti preferibilmente di lunedì e venerdì, oppure su appuntamento richiesto all’indirizzo e-mail paola.bignami@unibo.it

Le informazioni di carattere amministrativo possono essere richieste all’Ufficio Master, Piazza Verdi, 3 – 40126 Bologna – Tel +390512098140 – Fax +390512098039 – Email master@unibo.it Giorni e orari di apertura al pubblico dell’Ufficio Master: Lunedì, Martedì, Mercoledì e Venerdì dalle 09,00 alle 11,15, Martedì e Giovedì dalle 14,30 alle 15,30

Download

Festival PEPITA de Artes Integradas

De 06 a 09 de dezembro, as cidades de Ouro Preto e Mariana receberão o Festival Pepita de Artes Integradas, que surge no intuito de fomentar as iniciativas artísticas no cenário local. Organizado pelo Coletivo Muzinga, um conjunto de produtores culturais, o evento promete fortalecer os diversos meios, destacando a música e as artes cênicas.

Em sua primeira edição, o evento integra o Circuito Mineiro de Festivais Independentes, ação já consolidada em Minas Gerais, que propõe o fortalecimento dos festivais distribuídos no território, com o objetivo de intensificar as produções já existentes. Nos últimos meses, o Circuito esteve presente em mais de 15 festivais no estado, e encerrará os trabalhos do segundo semestre de 2012 com chave de ouro, nas cidades históricas de Ouro Preto e Mariana, promovendo diversas atividades.

Festival Pepita de Artes Integradas é uma realização do Coletivo Muzinga e do Fora do Eixo, com o patrocínio da Conexão Vivo, com a grande parceria do designer Dinho Bento e da Macaca Filmes e o apoio do Fora do Eixo Card, Música Minas, Vale dos Contos e Sagarana Café- Teatro.

 

 Programação:

http://coletivomuzinga.com/festivalpepita-programacao/

Oficinas:

A literatura chega ao Festival Pepita para integrar o movimento, com a intenção de provocar a troca de experiências entre as comunidades de Ouro Preto e Mariana. Conheça as oficinas e realize a sua inscrição:

http://coletivomuzinga.com/festival-pepita-oficinas/

Debates:

Projeto ÀGORA e Festival Pepita se unem e promovem debates em Ouro Preto e Mariana, confira:

http://coletivomuzinga.com/pepita-debates/

Vivencia Criativa: 

A Macaca Filmes, em parceria com o Festival Pepita,  está  oferecendo a primeira de muitas vivências criativas do evento. A etapa consiste numa verdadeira troca de experiências, entre os integrantes do grupo com  outras quatro pessoas que serão escolhidas por meio de um edital, para vivenciarem um pouco do trabalho que é realizado, dia a dia, pelo universo audiovisual. Um intensa mistura de diversão e aprendizado estão a sua espera.

 http://coletivomuzinga.com/festival-pepita-de-artes-integradas-vivencias-criativas/ 

Encontro do Instituto Hemisférico de Performance e Política 2013 – SP

Cidade | Corpo | Ação:

A Política das Paixões nas Américas

8º Encuentro
Universidade de São Paulo
SESC Vila Mariana
12 a 19 de janeiro de 2013
São Paulo, Brasil

O 8º Encuentro do Instituto Hemisférico busca examinar as amplas interseções entre o espaço urbano, a performance e a ação política/artística nas Américas. Desde as poéticas críticas da arte corporal até a ocupação do espaço público por movimentos sociais, o evento convida os participantes a explorar as fronteiras, identidades e práticas através das quais subjetividades, hegemonias e contra-hegemonias são construídas dentro dos espaços da cidade e além. Em particular, nos interessam as formas pelas quais os corpos interpelam e são interpelados; mobilizam e são mobilizados pelas/em meio às paixões complexas e diversas que definem o nosso presente globalizado e mediatizado — o medo, o ódio, o desencanto, a esperança e a fé, entre outras. Buscamos investigar, coletivamente, as estratégias através das quais corpos (individuais, sociais e políticos) se fazem presentes e influenciam as convenções estéticas, as formações sociais e as estruturas políticas na sua busca por novos significados e novas formas de sociabilidade. Este tema será o ponto de partida para uma grande variedade de performances, exposições, mesas redondas, oficinas, palestras e grupos de trabalho.

Desde o ano 2000, os nossos Encuentros têm sido um ponto de contato entre artistas, acadêmicos, estudantes e ativistas interessados em investigar a relação entre a performance e a política nas Américas. Cada Encuentro reúne entre 400 e 600 participantes e é parte conferência acadêmica, parte festival de performance, e sempre interdisciplinar. O Encuentro é um espaço voltado para a experimentação, o diálogo e a colaboração.

Mais informações aqui.

Labirinto de cenas

O artista multimídia Daniel Calado criou uma interessante proposta via web… O labirinto de cenas convoca a todos os interessados em participar com sua criatividade, gravando uma cena, editando, compartilhando e compondo um filme coletivo. Desta forma existirão inúmeros collages de fragmentos imagéticos e autorais, compondo filmes infinitamente originais.

Para participar ou obter maiores informações, assista o vídeo abaixo e siga as indicações.

Ou acesse diretamente o material já produzido aqui.